10 junho 2014

Como organizar os desenhos e obras de arte das crianças?

    Muita gente hoje em dia procura dicas de limpeza e arrumação na internet para tentar agilizar as tarefas diárias e também para solucionar pequenos problemas do dia a dia. Nesse meio, uma das dicas mais frequentes é praticar o desapego: doar, vender ou jogar fora tudo que não é necessário ou não tem utilidade. Um ótimo conselho para tornar a vida mais simples e prática, e ainda facilitar na hora de limpar e arrumar os objetos em casa.

    Mas como ficam os desenhos e as obras de arte das crianças? Aqueles trabalhinhos feitos com tanta dedicação e que são prova do crescimento e aprendizado dos pequenos? Difícil decisão, não é?


Imagem por a.pasquier

    Algumas mães se cansam da bagunça que às vezes se acumula e jogam tudo fora sem remorso. Outras vão guardando em gavetas, armários e onde mais sobra espaço pela casa. Mas nem tanto à terra, nem tanto ao mar. É possível conciliar as dicas de limpeza e arrumação da casa e ainda preservar os tesouros do seu filho.

    Veja aqui algumas sugestões de como fazer isso:
  •   Faça quadrinhos.

Sente com o seu filho para selecionar as pinturas e os desenhos favoritos dele. Junte os seus preferidos e emoldure-os. Pode ser em vidro simples e moldura fininha para destacar os desenhos ou pode ser em molduras variadas para forma um mosaico. O que importa é colocar os trabalhos em evidência e ainda decorar o quarto do seu filho. Se não tiver espaço, os quadrinhos também podem enfeitar um corredor.

  •       Monte uma galeria.

Seguindo a mesma ideia dos quadrinhos, mas talvez gastando um pouco menos, você e o seu filho podem selecionar os trabalhinhos e exibí-los em um quadro de cortiça ou de metal com ímãs.
A vantagem desta ideia é que alguns dos trabalhos mais tridimensionais também podem fazer parte da galeria.

  •       Faça a parede da fama.

Pinte um canto do quarto do seu filho com tinta de quadro negro. Além de ser um espaço para as crianças rabiscarem e soltarem a criatividade, a parte mais alta onde o seu filho não alcança pode virar a parede da fama para os melhores trabalhinhos. É só prender as obras de arte com fita adesiva e enfeitar com desenhos ao redor. Ao invés de usar giz, tente as canetas de giz líquido que deixam o aspecto final mais arrumadinho e têm várias cores.

  •       Tenha um fichário ou caixa.

Se os trabalhinhos chegam da escola com muita frequência ou você tem mais de um filho, ainda dá para seguir as ideias anteriores, mas elas podem ficar um pouco mais complicadas de manter. Neste caso, faça um fichário ou caixa para guardar os desenhos à medida que forem chegando. Vocês podem se reunir uma vez por semana e escolher quem vai para o mural e quem vai para a caixinha ou pasta.

  •           Digitalize os trabalhinhos.

Para não perder nenhum registro do aprendizado e talento do seu filho, fotografe ou digitalize os trabalhinhos da escola. É ótimo para guardar os desenhos que não foram selecionados para os quadrinhos ou murais. Se você não tem espaço ou dinheiro para expor os desenhos, também é perfeito para guardar todos no computador sem preocupação. Afinal o lugar de destaque na porta da geladeira sempre vai existir.


    Aproveite a oportunidade para ensinar seu filho a se organizar. Ele vai se sentir orgulhoso de ter os seus trabalhinhos valorizados e expostos. Além de representar um grande estímulo, ele pode escolher e ajudar na hora de guardar os desenhos ou trocar os antigos pelos mais novos e interessantes. Assim, ele cresce e você não deixa de acompanhar essa fase tão bonita da vida dos pequenos.
______________________________________________________________
Aproveita e avalie o blog! Sua opinião é muito importante, é essencial!

Dúvidas? Sugestão de temas? Participe da coluna Quero Saber!

 Se interessa pelo tema Psicologia e Educação? Participe da coluna Dialogando sobre Psicologia e Educação

17 comentários:

  1. oi Le

    eu registro tudo com fotos, pois acredito que a recordação dura mais.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal essa dica de registro com fotos....o importante é ter a lembrança! Beijo

      Excluir
  2. oi Lê... a imagem do post de deu uma otima ideia! gostei das dicas... o meu já faz uns rabiscos hahah
    acho fofo qndo chegam as epocas das garatujas... xxoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal...tb acho uma graça! Guarda como lembrança, aposto que seu filho vaiamar vê-los quando ele estiver grande! beijo

      Excluir
  3. que dicas maravilhosas amiga
    eu separei todas num classificador
    e guardei
    mais vou fazer um quadro amei as dicas

    Nanda
    beijokas
    Linda Noite
    Mamãe de Duas
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
  4. Minha querida, deixei um e-mail pra vc, vc recebeu?
    Estou com uma certa urgência em sua resposta, tá?
    Bjs!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Karin, estive um pouco sumida...vou dar uma olhada no meu e-mail. desculpa!

      Excluir
  5. Tenho vários cadernos da minha infância, minha mãe guardou e é lindo ver meus primeiros traços.

    www.rockcomluxo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom olhar depois de algum tempo essas recordações,tanto pros pais quanto pra criança depois de crescida! beijo

      Excluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Dicas muito interessantes.
    Sempre guardamos mais do que o necessário ou jogamos fora sem registrar,
    Bjs


    Histórias, estórias e outras polêmicas

    ResponderExcluir
  8. Lê:
    Voltei para avisar que o Tipo assim está na festa de aniversário do Histórias, estórias e outras polêmicas.

    Confere lá

    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Adorei , vou compartilhar na minha página no face, beijinhossssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal que você compartilhou na sua página. Beijo

      Excluir

Deixe aqui sua opinião!
Obrigada por enriquecer esse Blog!